Premium Sol da Caparica continua ao ritmo do Brasil

Depois de África ter estado em destaque no primeiro dia do festival, a grande festa da música lusófona continua hoje e amanhã, com a presença, entre tantos outros, de Seu Jorge e de Gabriel O Pensador.

Se um único cabeça-de-cartaz tivesse de ser apontado para O Sol da Caparica, esse teria de ser a música lusófona. As diferentes latitudes desta parte do mundo estiveram uma vez mais em destaque no primeiro dia de festival, no qual se destacou a música africana, pelas vozes de vários cantores angolanos e de Cabo Verde.

Com um conceito tão abrangente, que vai do fado ao samba ou do rock à kizomba, praticamente sem deixar ninguém de fora, este é um festival em que todos cabem, sejam eles artistas consagrados ou emergentes, como se comprova pelo alinhamento deste segundo dia, em que o hip hop de Carlão, o fado de Mariza ou o samba-pop do brasileiro Seu Jorge partilham o tal estatuto de cabeça-de-cartaz. Mas há mais, muito mais, para ver desde o final da tarde até noite dentro, com destaque para o cabo-verdiano Dany Silva, a celebrar os 40 anos de carreira, quase tantos quanto já leva Luís Represas ou os Jafumega, também eles hoje com presença marcada nos palcos do Parque Urbano da Costa de Caparica, por onde irão ainda passar Fred, Luís Sobral, The Happy Mess, Diana Lima, Loolalike ou I Love Baile Funk.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG