Premium EUA vs. China. Organização Mundial do Comércio é a mais recente vítima

Diretor-geral da OMC demite-se. Órgão de resolução de litígios deixou de funcionar devido ao bloqueio norte-americano.

O brasileiro Roberto Azevêdo anunciou na quinta-feira a sua renúncia ao cargo de diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC) um ano antes do final do mandato. Ao mesmo tempo que disse à Valor Económico não haver um momento certo para decisões deste género, explicou-a da seguinte forma: "Com esta decisão evito que a organização fique presa a dois processos simultâneos: a preparação da próxima reunião ministerial e o processo de substituição do diretor-geral."

Azevêdo cessa funções no dia 31 de agosto. Quando se recandidatou, em 2017, estaria longe de adivinhar o sismo nas relações internacionais causado pela vitória de Donald Trump nas eleições presidenciais.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG