Exclusivo Filme-sensação de Cuarón primeiro no cinema e só depois na Netflix

Afinal, Roma, o filme-sensação de Alfonso Cuarón, também vai poder ser visto no seu lugar "natural": as salas escuras de todo o mundo - e está a caminho dos Óscares - apesar de ser uma estreia Netflix.

É mesmo verdade que o filme Roma, de Alfonso Cuarón, se vai estrear nas salas de cinema!... Eis o que seria, em princípio, uma "não notícia"... Afinal de contas, onde é que o filme haveria de ter a sua estreia? Pois bem, os tempos mudaram: Roma é uma produção da plataforma de streaming Netflix e, como já aconteceu com outros títulos da mesma origem, poderia nem sequer chegar às salas. Roma estreia-se em Portugal amanhã e passa na Netflix no dia a seguir.

Em boa verdade, o esplendor visual e sonoro da realização de Cuarón só faz sentido numa sala escura: num mundo ideal (quer dizer, gerido por outros valores cinéfilos e mais ágeis noções de marketing), Roma poderia até ser mostrado, com eloquente ganho emocional e espetacular, no gigantismo sensual dos ecrãs IMAX. Mas não é uma mera questão de prioridades ou "gostos" que está em jogo: através do seu vertiginoso crescimento, a Netflix tornou-se uma entidade essencial na discussão dos modos de existência dos filmes, da sua produção à decisiva problemática da sua difusão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG