Fundação Champalimaud é a quarta melhor do mundo em Inteligência Artificial

Revista Nature coloca investigação portuguesa no topo mundial. Lista distingue o conhecimento e a utilização da inteligência artificial.

É um orgulho para Portugal e para a Fundação Champalimaud ser um dos líderes na investigação científica", afirma Leonor Beleza, presidente da instituição. O ranking acaba de ser publicado pela revista científica Nature e coloca a Fundação Champalimaud no quarto lugar das instituições sem fins lucrativos na área da inteligência artificial (IA). Trata-se de um top 10 mundial que inclui as mais prestigiadas instituições de países europeus e não só: Alemanha, Estados Unidos da América, Portugal, Holanda, Espanha e ainda Reino Unido.

A utilização do conhecimento do cérebro aplicada a modelos matemáticos avançados esteve no foco da análise para construir o ranking, bem como foram avaliadas as instituições com mais trabalho publicado na área da IA e com maior percentagem de artigos colaborativos internacionalmente.

"A Fundação Champalimaud apresenta a maior concentração de grupos a trabalhar em neurociência computacional em Portugal. O trabalho que tem sido desenvolvido ao serviço da ciência, com recurso às metodologias mais avançadas, com equipamentos únicos, é com certeza determinante para a obtenção deste resultado de que nos orgulhamos muito", afirma Leonor Beleza ao DN. "Figurar entre as instituições do mundo que se distinguem pela utilização de inteligência artificial é o reconhecimento do mérito e da excelência da investigação que temos vindo a fazer."

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG