Premium Listas ao PE. Estrangeiros, quase nem vê-los

As listas ao Parlamento Europeu permitem a inclusão de estrangeiros da UE mas a verdade é que os partidos portugueses pouco ou mesmo quase nada usam essa possibilidade.

Uma coisa é garantida: no grupo dos 21 deputados que representarão Portugal na próxima legislatura do Parlamento Europeu, não constará - mais uma vez - nenhum estrangeiro. Estrangeiro, note-se, da UE. Nas eleições europeias e nas autárquicas, os cidadãos comunitários podem ser candidatos em todos os países (desde que o sejam só num, evidentemente).

Na lista do PS não há, nem em nenhuma outra das que atualmente têm representação (PSD, CDU, BE, CDS e Marinho e Pinto, que desta vez encabeçará a lista do PDR, partido que fundou depois de ter rompido com o MPT, pelo qual foi eleito há cinco anos).

Ler mais

Exclusivos