Premium O detalhe dos votos. Quem ganhou, quem perdeu – e onde

Uma semana depois das eleições Europeias, uma cientista política analisa, concelho a concelho, para o DN, as perdas e os ganhos nas últimas eleições europeias das principais forças partidárias e das duas novas formações da direita, o Aliança e o Basta.

A eleição de domingo passado continua a dar que falar. Seja pelo nível recordista de abstenção eleitoral (69,3%) seja pelas derrotas assinaláveis, tanto à direita (PSD+CDS) como à esquerda (CDU). O PAN, ao conseguir eleger pela primeira vez um eurodeputado, trouxe efeito surpresa ao xadrez político.

Muito se pode dizer destas eleições, mas pouco se pode retirar para as eleições legislativas que se realizarão já em outubro e que redesenharão a composição da Assembleia da República. As eleições europeias possuem particularidades e não é demais reforçar a cautela que devemos ter quando da leitura dos resultados.

Ler mais

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG