Proprietários de casas destruídas na Madeira ficam isentos de IMI

Informação foi avançada pela Secretaria Regional da Inclusão e Assuntos Sociais da Madeira

A Secretaria Regional da Inclusão e Assuntos Sociais da Madeira informou hoje que os proprietários das habitações que ficaram completamente destruídas pelos incêndios estão isentos do pagamento do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI).

Na nota, este departamento do Governo da Madeira diz que os proprietários "cuja habitação foi completamente destruída pelos incêndios deverão contactar a Autoridade Tributária e Assuntos Fiscais da Madeira para efeitos de isenção de IMI".

Esta secretária também divulgou uma outra indicação, recordando que existe uma Linha de Emergência de Incêndios, com o número 926768743, que "pode ser utilizada pela população para efeitos de informação e encaminhamento sobre processos de realojamento, reconstrução e apoios sociais".

No sábado, a secretária regional da Inclusão e Assuntos Sociais, Rubina Leal, disse aos jornalistas que ainda estavam por realojar cerca de 160 pessoas, das aproximadamente 1.000 que tiveram de ser deslocadas devido aos fogos que fustigaram a Madeira desde a passada segunda-feira.

Segundo a governante, o número de desalojados pode ascender às 200 pessoas, visto que alguns dos afetados estão em casas de familiares e amigos.

Os incêndios na Madeira provocaram três vítimas mortais, avultados danos materiais e danificaram cerca de duas dezenas de habitações.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG