Má gestão e prejuízos colocaram Caixa em risco de resolução

Mário Centeno considerou que houve "má gestão" no banco público. Perdas avultadas entre 2011 e 2016 forçaram injeção de dinheiro dos contribuintes.

A Caixa Geral de Depósitos correu o risco de ter um destino entrar em processo de resolução, semelhante ao que aconteceu ao BES, caso não tivesse sido recapitalizada. A revelação foi feita por Mário Centeno para justificar a injeção de capital no banco público em 2017.

Leia mais em Dinheiro Vivo a sua marca de economia

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG