Draghi: BCE vai passar a comprar também ativos abaixo da taxa de depósitos

BCE prevê inflação abaixo de 2% até 2019 o que mostra estar consciente da necessidade de manter as políticas monetárias ativas por tempo considerável

O Banco Central Europeu (BCE) vai aproveitar o prolongamento da programa de compra de ativos para introduzir algumas "calibrações" ao mesmo, anunciou agora Mario Draghi. Entre as alterações, destaque para o alargamento das obrigações soberanas visadas pelo programa, já que este passará a comprar também as obrigações com yields abaixo das taxas do BCE para depósitos, hoje em -0,4% - o que o BCE ofere aos bancos pelo valor que lá depositam.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG