Dívidas à Segurança Social superam os 200 milhões de euros

Governo repôs esta terça-feira a lista de devedores à Segurança Social suspensa desde 2013. Há 1798 contribuintes em dívidas; empresas lideram

O ministro José Vieira da Silva repôs hoje a lista dos devedores à Segurança Social. Ao todo, contam-se 1798 contribuintes em dívida. A lista, que estava suspensa desde agosto de 2013, regressa como medida do Plano de Combate à Evasão e Fraude Contributiva e será publicada em três fases ao longo deste ano.

Integram a lista negra da Segurança Social, todo os contribuintes - particulares ou empresas -, que já ultrapassaram o prazo de pagamento voluntário das suas dívidas e não pediram nem um pagamento prestacional nem uma dispensa ao Estado.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG