LeBron James perde em Portland na estreia oficial pelos Lakers

Craque anotou bons números, mas Portland venceu o jogo. Californianos não acertaram um triplo na primeira parte. Seguem-se, na estreia em casa, os Rockets de James Harden

LeBron James estreou-se oficialmente pelos Los Angeles Lakers com uma derrota, no pavilhão dos Portland Trail Blazers, por 128-119, na noite da passada quinta-feira. O jogador de 33 anos anotou bons números - 26 pontos, 12 ressaltos e seis assistências - mas não foram suficientes para levar de vencida a equipa do Oregon.

No jogo mais esperado do arranque da NBA, faltou aos Lakers algo que é cada vez mais essencial no atual contexto da liga e que sempre foi precioso nas equipas de Lebron: o lançamento de três pontos. Os Lakers marcaram apenas 7 de 30 o que, apesar de ser apenas o primeiro jogo, pode desde já preocupar alguns fãs e e confirmar a teoria de alguns analistas que apontaram desde início a ausência de lançadores na equipa. Ao intervalo, a equipa de LA tinha zero triplos.

No entanto, os Lakers têm tentado baixar expectativas, e esta será talvez a época de expectativa mais baixa para James no que toca a títulos, e a lenda Magic Johnson tem dito que a equipa quer basear o seu jogo na corrida e na velocidade. O que também ficou claro na partida com os Trail Blazers.

Do lado da equipa da casa, a estrela da companhia, Damian Lillard, anotou 28 pontos, e o seu "número 2", CJ McCollum, 21. Destaque ainda para Nik Stauskas, com 24.

Nos Lakers, LeBron teve ajuda de mais quatro jogadores que marcaram acima dos 10 pontos (Ingram, McGee, Rondo e Kuzma), com Hart a ajudar com 20. No capítulo das assistências, destaque para as 11 do experiente Rajon Rondo, que também chegou este ano à equipa.

Os Lakers estreiam-se em casa, no Staples Center, contra os Houston Rockets, liderados por James Harden, Chris Paul e que este ano têm ajuda (espera-se) de Carmelo Anthony. Na última época, os texanos foram a melhor equipa na fase regular, com 65 vitórias e 17 derrotas. Acabariam por perder na final da Conferência Oeste com os Golden State Warriors que viriam a ganhar o título frente aos Cleveland Cavaliers de LeBron James. Nessa série, os Rockets pareciam ter a viagem às finals no bolso, mas uma lesão de Chris Paul virou o ímpeto para o lado dos bicampeões da NBA.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG