Florentino para Jovic: "Já és dono da camisola com que dormias em pequeno"

O avançado sueco, que chegou a representar o Benfica, foi esta quarta-feira apresentado como novo reforço do Real Madrid para as próximas cinco épocas.

Luca Jovic foi esta quarta-feira apresentado oficialmente como reforço do Real Madrid. O avançado sérvio, com o qual o Benfica ainda lucrou cerca de 16,2 milhões de euros por ter assegurado parte de uma futura transferência quando o jogador se vinculou ao Eintracht de Frankfurt, disse estar a cumprir um sonho de criança e mereceu rasgados elogios do presidente Florentino Pérez.

"Hoje queremos partilhar com todos os adeptos o novo projeto do Real Madrid para a próxima temporada. Estamos a apresentar um jogador, neste caso um avançado, que era pretendido pelos grandes clubes da Europa. Já és jogador do Real Madrid e queremos agradecer-te por teres escolhido o nosso clube. Realizaste uma grande temporada, marcaste 27 golos, mas os nossos adeptos vão exigir-te mais. Disseram-nos que esta era a camisola com que dormias quando eras pequeno. Agora já és dono desta camisola", referiu Florentino Pérez.

"Sou o rapaz mais feliz do mundo. Estou com muitas ilusões e seguro de que tomei a melhor decisão ao assinar por este grande clube. Darei tudo para juntos ganharmos títulos", referiu Jovic, que foi depois da cerimónia na sala de imprensa foi apresentado aos adeptos no Santiago Bernabéu, o placo que esta quinta-feira vai servir para apresentar outro reforço do Real Madrid, o belga Eden Hazard.

Jovic, que chegou a defrontar o Benfica nos quartos-de-final da Liga Europa, saiu dos encarnados para o Eintracht em 2017/18, com os alemães a ficarem com uma opção de compra na ordem dos seis milhões, a que acresceriam 20% de uma futura venda.

O sérvio chegou à Luz em 2015/16, proveniente do Estrela Vermelha, por cerca de 6,5 milhões de euros, mas, com poucas oportunidades, nunca se afirmou, jogando apenas dois jogos na equipa principal.

A vinda para a Luz aconteceu no mercado de inverno de 2016, mas Jovic, na primeira época do treinador Rui Vitória, apenas fez cinco minutos na Liga e dois na Champions, alinhando prioritariamente na equipa B. Na época seguinte voltou a ser pouco utilizado, com 11 jogos na equipa secundária, e apenas um jogo na Taça da Liga e outro no campeonato principal, novamente com poucos minutos.

Segundo a imprensa espanhola, a contratação de Jovic custou ao Real Madrid 60 milhões de euros.

Exclusivos

Premium

Nuno Severiano Teixeira

"O soldado Milhões é um símbolo da capacidade heroica" portuguesa

Entrevista a Nuno Severiano Teixeira, professor catedrático na Universidade Nova de Lisboa e antigo ministro da Defesa. O autor de The Portuguese at War, um livro agora editado exclusivamente em Inglaterra a pedido da Sussex Academic Press, fala da história militar do país e da evolução tremenda das nossas Forças Armadas desde a chegada da democracia.

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

Dos pobres também reza a história

Já era tempo de a humanidade começar a atuar sem ideias preconcebidas sobre como erradicar a pobreza. A atribuição do Prémio Nobel da Economia esta semana a Esther Duflo, ao seu marido Abhijit Vinaayak Banerjee e a Michael Kremer, pela sua abordagem para reduzir a pobreza global, parece indicar que estamos finalmente nesse caminho. Logo à partida, esta escolha reforça a noção de que a pobreza é mesmo um problema global e que deve ser assumido como tal. Em seguida, ilustra a validade do experimentalismo na abordagem que se quer cada vez mais científica às questões económico-sociais. Por último, pela análise que os laureados têm feito de questões específicas e precisas, temos a demonstração da importância das políticas económico-financeiras orientadas para as pessoas.