Surfista amputada chega ao pódio no circuito mundial

A norte-americana Bethany Hamilton, compete sem um braço, foi terceira nas ilhas Fiji

A norte-americana Bethany Hamilton, surfista que compete no circuito mundial sem o braço esquerdo, chegou esta terça-feira, pela primeira vez, às meias-finais de uma prova do circuito mundial, ao terminar na terceira posição o Fiji Women's Pro.

Bethany Hamilton, que perdeu o braço em 2003 depois de ter sido atacada por um tubarão, beneficiou de um wild card para disputar a prova nas Fiji.

A norte-americana, de 26 anos, eliminou na segunda ronda a australiana Tyler Wright, número um mundial, e bateu na terceira a também australiana Stephanie Gilmore, detentora de seis títulos mundiais.

Hamilton, que tinha como melhor registo em provas do circuito mundial um nono lugar, alcançado em 2010 em Peniche, foi apenas derrotada pela francesa Johanne Defay, que viria a vencer a quinta etapa do circuito.

A história de vida de Bethany Hamilton serviu de inspiração ao filme 'Soul Surfer' (Coragem de Viver), protagonizado por Dennis Quaid e Helen Hunt.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG