EUA investigam doping de atletas russos

Depois de denúncia do jornal "New York Times", o Departamento de Justiça decidiu abrir um inquérito

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos abriu uma investigação sobre o doping de dezenas de importantes atletas russos, adiantou, esta terça-feira, o New York Times, jornal que já tinha publicado uma reportagem sobre o doping na Rússia, um artigo que levou a uma ameaça de um processo judicial por parte do ministro do desporto russo, Vitaly Mutko


A procuradoria do distrito leste de Nova York está investigando funcionários públicos, atletas, treinadores, autoridades antidoping russas e qualquer pessoa que possa ter beneficiado injustamente de um regime de doping, disse o Times. A investigação foi aberta ao abrigo de uma decisão dos tribunais, a qual permite abrir investigações sobre cidadãos de outros países, desde que haja uma ligação com os EUA.

Já esta semana, O ministro dos Desportos da Rússia, Vitaly Mutko, admitiu que os atletas russos cometeram "erros graves" por terem quebrado as regras antidoping, que podem comprometer a participação nos Jogos Olímpicos Rio2016.

Numa crónica no jornal inglês Sunday Times, publicada hoje, Mutko não poupou críticas, escrevendo que todos os russos "estão envergonhados" com os atletas, que "quebraram o princípio do 'fair play' para obterem benefícios imediatos".

Apenas três dias depois de ter considerado "absurdas" as suspeitas de doping generalizado no Desporto russo, o ministro fez um 'mea culpa' e admitiu que a participação do atletismo russo nos Jogos Rio2016 pode estar comprometida.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG