Atleta francês morre na Maratona das Areias devido a problema cardíaco

É a terceira morte da história do evento e ocorreu nas dunas de Merzouga, numa zona de deserto em Marrocos.

Um atleta francês, de cerca de 50 anos, morreu na sequência de um problema cardíaco durante a 35ª edição da Maratona das Areias, que decorre desde domingo em Marrocos, e que é disputada numa distância de 250 quilómetros, anunciou esta terça-feira a organização.

Em comunicado, os organizadores explicam que o homem começou a sentir-se mal na segunda-feira à tarde, quando se encontrava nas dunas de Merzouga, numa zona de deserto.

De acordo com a nota, o atleta cumpriu todos os requisitos médicos necessários para participar na prova e completou, sem qualquer problema, a primeira etapa.

Depois de se ter sentido mal, o atleta foi auxiliado por dois médicos que participavam na prova, que pediram ajuda e iniciaram manobras cardíacas.

A morte, a terceira da história do evento, foi declarada após 45 minutos de manobras de reanimação, pela equipa médica da prova que, entretanto, chegou ao local.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG