Adeptos do Bastia invadem relvado e atacam jogadores do Lyon

Incidentes atrasaram início do jogo da 33.ª jornada da Liga francesa

Adeptos do Bastia invadiram hoje o relvado e agrediram jogadores do Lyon minutos antes do começo da partida da 33.ª jornada da Liga francesa de futebol, o que levou a que o seu início fosse retardado.

Cerca de cinquenta adeptos da equipa da casa entraram no relvado e perseguiram jogadores do Lyon, que faziam o seu aquecimento, até ao túnel que dá acesso aos balneários, para onde aqueles fugiram na tentativa de evitar as agressões, referiu o jornal desportivo L'équipe na sua edição digital.

Estes incidentes ocorrem após outros que se verificaram na última quinta-feira no estádio do Olympique Lyon, envolvendo os adeptos turcos do Besiktas, em jogo da primeira mão dos quartos de final da Liga Europa.

No dia seguinte, a UEFA determinou a abertura de um procedimento disciplinar contra os dois clubes por causa dos incidentes.

O organismo europeu imputou ao Lyon a responsabilidade por uma "organização deficiente" e acusou o clube de ter permitido a entrada de guarda-chuvas no recinto e de ter autorizado a presença de adeptos nas escadarias, bloqueando as saídas.

A equipa do Bastia é treinada pelo português Rui Almeida, que substituiu o francês François Ciccolini, devido aos maus resultados, depois de ter sido adjunto de Jesualdo Ferreira no Panathinaikos, no Sporting de Braga e no Zamalek.

No Olympique Lyon joga o guarda-redes internacional português Anthony Lopes, que fez parte da comitiva do Euro 2016.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG