Morreu o fundador dos Depeche Mode Andrew Fletcher

Teclista da banda tinha 60 anos.

O fundador e teclista dos Depeche Mode morreu aos 60 anos, foi esta quinta-feira divulgado pela própria banda britânica, nas redes sociais.

"Estamos chocados e de rastos com tristeza com o falecimento precoce do nosso querido amigo, membro da nossa família e colega Andy "Fletch" Fletcher", pode ler-se numa publicação na conta oficial no Facebook dos Depeche Mode.

"Fletch tinha um verdadeiro coração de ouro e estava sempre lá quando era preciso, pronto para uma boa conversa, uma gargalhada ou uma cerveja fresca", continua a banda, que pede ainda privacidade para a família do músico.

As causas da morte não foram divulgadas.

Andrew Fletcher fez parte de todos os 14 álbuns de estúdio da banda formada na cidade inglesa de Basildon, no final da década de 1970.

Conhecido ao longo da sua carreira pelo apelido "Fletch", o teclista nasceu em 1961 em Nottingham, e mudou-se para Basildon, onde, no final dos anos 1970 formou a banda Composition Of Sound ao lado de Martin Gore e Vince Clarke, noticia o jornal The Guardian.

Com o recrutamento do cantor Dave Gahan, a banda mudou o nome para Depeche Mode, e o quarteto passou a desfrutar de uma grande notoriedade no início dos anos oitenta.

Com a saída de Clarke, que formou o Yazoo e depois o Erasure, Gore tornou-se o principal compositor, e com a adição de Alan Wilder o som do grupo seguiu por um caminho mais sombrio e gótico e passou a desfrutar de enorme sucesso internacional no final dos anos 1980 e início dos anos 1990, acrescenta o The Guardian.

Com Lusa

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG