Morreu o cantautor espanhol Patxi Andión

O cantor espanhol morreu esta quarta-feira de manhã num acidente de trânsito. Tinha 72 anos.

O cantor madrileno Patxi Andión perdeu a vida esta quarta-feira de manhã, às 7:55 (hora de Lisboa) num acidente de trânsito na província de Soria quando o Land Rover que conduzia se despistou, noticia o El Pais. Tinha 72 anos.

Publicou em novembro o disco La hora del Lobicán, que mostrou em Portugal num concerto em setembro na Aula Magna, em Lisboa. Passavam 50 anos desde que tinha lançado "Retratos", o primeiro disco, em 1969. Precisamente nesse ano apresentou-se pela primeira vez em Portugal, no programa "Zip Zip".

Das primeiras vezes que tentou cantar em Portugal, em plena ditadura, foi expulso pela PIDE. Tonicha interpretou canções do cantor espanhol, traduzidas para português por Ary dos Santos.

Patxi Andión cantou com Ana Moura ao terceiro disco da cantora portuguesa, no tema "Vaga no Azul Amplo Solta".

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG