Morreu o antigo diretor do DN João Gomes

João Gomes participou na Revolta da Sé em 1959 e foi diretor do Diário de Notícias entre 1976 e 1978.

Faleceu João Gomes, jornalista que foi diretor do DN nos tempos mais quentes do pós-25 de Abril.

João Gomes sucedeu ao diretor Vítor Cunha Rego em 1976 e manteve-se à frente dos destinos do jornal até à chegada ao cargo de Mário Mesquita.

Nasceu em 1934 e era formado pela Escola Superior de Jornalismo de Lille (França)

Foi deputado à Assembleia Constituinte em 1975 e em várias legislaturas posteriores, bem como secretário de Estado da Comunicação Social no II Governo Constitucional de Mário Soares.

Com um longo percurso no jornalismo, João Gomes exerceu também outros cargos, como o de Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa e presidente da Casa da Imprensa em 1971 .

Entre outros cargos em direção de jornais além do DN, João Gomes, esteve na equipa que renovou o jornal República, foi fundador de a Luta e, entre outrasm esteve nas redações do Diário de Lisboa,

Com uma longa atividade política antes e depois da Revolução de Abril, participou na Revolta da Sé em 1959, tendo sido preso pela PIDE e julgado no Tribunal Militar de Santa Clara. Voltou a ser detido pela mesma plícia política ao constituir uma cooperativa de Difusaão Cultural , a Pragma.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG