Morreu baterista dos Yes, Alan White, aos 72 anos após doença repentina

Baterista preparava-se para comemorar o 50.º aniversário na banda numa turnê no Reino Unido, em junho.

O baterista da banda britânica de rock progressivo Yes, Alan White, morreu esta quinta-feira aos 72 anos na sua residência na área de Seattle, no estado norte-americano de Washington, após uma "doença repentina", anunciou a família do artista no Facebook.

"Alan White, nosso amado marido, pai e avô, morreu aos 72 anos na sua casa na zona de Seattle em 26 de maio de 2022, após uma doença repentina", lê-se numa nota publicada na rede social.

A família descreveu o baterista como "uma estrela rock reconhecida pelos fãs em todo o mundo", ao longo de seis décadas de carreira, sendo um "cavalheiro e amigo para todos que o conheceram".

Também os Yes comunicaram a morte do "seu amado baterista e amigo de 50 anos".

"A notícia chocou e surpreendeu toda a família Yes. O Alan estava ansioso com a próxima turnê no Reino Unido, para comemorar o seu 50.º aniversário com os Yes e o seu icónico álbum Close To The Edge, onde a jornada de Alan com os Yes começou em julho de 1972", escreveu a banda no Facebook.

Considerado um dos maiores bateristas de rock de todos os tempos, Alan White nasceu em Pelton, no condado de Durham, em Inglaterra, em 14 de junho de 1949. Começou a ter aulas de piano aos seis anos, estreou-se na bateria aos 12 anos e tem se apresentado publicamente desde os 13 anos.

O músico juntou-se aos Yes em 30 de julho de 1973 para a turnê do álbum Close To The Edge, depois de ter trabalhado com a banda Plastic Ono, de John Lennon e Yoko Ono, em 1969, no Toronto Rock Festival.

Alan White continuou a trabalhar com John Lennon, inclusive no álbum Imagine, e com outro antigo membro dos The Beatles George Harrison em All Things Must Pass.

"(...) Também trabalhou com vários outros músicos ao longo dos anos, incluindo Ginger Baker's Air Force, Joe Cocker, Gary Wright, Doris Troy e Billy Preston", lembraram os Yes.

O baterista entrou para o Rock and Roll Hall of Fame em 2017 como membro dos Yes.

A banda recordou ainda que Alan White apresentava, pelo menos desde 2016, "contratempos ao nível da saúde", sendo substituído por Jay Schellen nas recentes turnês.

"Os Yes vão dedicar a sua turnê dos 50 anos de Close To The Edge no Reino Unido, em junho, a White", acrescentaram.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG