Exclusivo Jacob Tremblay: "Somos todos Luca no seu desejo de andar de Vespa por Itália"

Chega nesta sexta-feira ao Disney+ a grande aposta de verão da Pixar. Luca é uma história sobre "monstros" aquáticos, a beleza da amizade e a alma da cultura italiana. O DN participou numa conferência global via zoom com o realizador e o elenco de vozes.

De Miyazaki a Fellini, há muito boas influências na nova animação da Pixar. Lembramo-nos da menina peixinho-dourado que quer ser humana em Ponyo à Beira-Mar, do realizador japonês, mas também de um dos primeiros filmes do mestre italiano, Os Inúteis, em que um grupo de amigos a viver numa província costeira passa os dias a sonhar com a grande cidade. Luca, de outro italiano, Enrico Casarosa, é uma mistura de fábula e retrato íntimo de uma amizade de verão que habita a nostalgia da vida no litoral. "Um litoral muito específico, tipo montanhas e mar, com imensos penhascos. Fez-me pensar na metáfora de alguém que nos empurra de um penhasco", diz Casarosa, espirituoso. É só uma metáfora. Quer dizer, mais ou menos (calma, vai fazer sentido).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG