"Green Book" é o melhor filme para os produtores de Hollywood

Várias vezes o vencedor do prémio de Melhor Filme dos Producers Guild Awards coincidiu com o vencedor da mesma e mais importante categoria nos Óscares, cuja cerimónia está neste ano marcada para 24 de fevereiro

A associação de produtores de Hollywood elegeu Green Book como o melhor filme de 2018, dando-lhe um novo impulso para os Óscares, cujas nomeações serão conhecidas na próxima terça-feira.

Encarada como uma vitória surpresa nos Producers Guild Awards, a importância desta deve-se ao facto de os prémios de associações de críticos, realizadores, atores, produtores e argumentistas servirem de prenúncio ao que poderá acontecer na noite de entrega dos Óscares. Várias vezes o vencedor do prémio de Melhor Filme dos Producers Guild Awards coincidiu com o vencedor da mesma e mais importante categoria nos Óscares, cuja cerimónia está neste ano marcada para 24 de fevereiro.

Realizado por Peter Farrelly, com Viggo Mortensen e Mahershala Ali nos principais papéis, Green Book, que venceu já um Globo de Ouro para melhor musical ou comédia, conta a história verdadeira de uma digressão do músico Don Shirley pelo sul dos EUA em 1960 e a amizade com o seu motorista nova-iorquino.

Os outros vencedores da noite foram Spider-Man: Into the Spider-Verse como Melhor Filme de Animação, Won't You Be My Neighbor? como Melhor Documentário, e a série The Americans, agora na sua última temporada, como Melhor Drama de Televisão.

The Assassination of Gianni Versace: American Crime Story venceu o prémio de Melhor Limited Series, The Marvelous Mrs. Maisel, da Amazon, foi considerada a Melhor Série de Comédia e Fahrenheit 451 o Melhor Filme em Televisão.

O programa da CNN Anthony Bourdain: Parts Unknown, protagonziado pelo chef que morreu no ano passado, ganhou o prémio de Melhor Série de Não-Ficção. Sesame Street, que conta quase 50 anos, foi considerado o Melhor Programa para Crianças e Last Week Tonight with John Oliver o Melhor Programa de Entretenimento. Being Serena, série documental sobre a tenista Serena Williams, foi considerada o Melhor Programa de Desporto.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG