Família de Zeca Afonso rejeita Panteão: fica em campa rasa

"Foi, a seu pedido, enterrado em campa rasa e sem cerimónias oficiais, em total coerência com a sua vida e pensamento", lembra comunicado da família

A família de Zeca Afonso não quer que o corpo do músico seja sepultado no Panteão Nacional, como foi proposto pela Sociedade Portuguesa de Autores (SPA).

Em comunicado a que a TSF teve acesso, a família do músico refere que "José Afonso rejeitou em vida as condecorações oficiais que lhe haviam sido propostas" e que "foi, a seu pedido, enterrado em campa rasa e sem cerimónias oficiais, em total coerência com a sua vida e pensamento".

" Por isso, apesar da meritória intenção que inspira a proposta, é a sua vontade que deve ser respeitada", acrescenta o comunicado.

Zélia Afonso, a viúva de Zeca Afonso, já se tinha mostrado contrária à ideia da SPA, esta quarta-feira, dizendo à agência Lusa ter sido apanhada de "surpresa" e lembrando que "o Zeca pediu que fosse [sepultado] em campa rasa, em Setúbal".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG