De Júlio Verne a Shakespeare com as marionetas do FIMFA

Veja a programação da primeira semana do festival, que arranca hoje em Lisboa.

A 16.ª edição do FIMFA Lx - Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas realiza-se em Lisboa, de 5 a 22 de Maio, uma produção da companhia A Tarumba - Teatro de Marionetas, com direcção artística de Luís Vieira e Rute Ribeiro.

Durante duas semanas, Lisboa recebe companhias e criadores de vários países, como França, Espanha, Israel, Inglaterra, Palestina, Irão, Holanda e Rússia, numa programação que inclui novos valores e grandes nomes de várias áreas artísticas, como Théâtre La Licorne, Maguy Marin, Yael Rasooly, David Espinosa ou Tim Spooner, entre muitos outros. Os temas abordados vão desde o circo, às convulsões sociais, à guerra ou aos campos de refugiados, temas que marcam a atualidade.

A programação é extensa e pode ser consultada AQUI. Mas deixamos-lhe as sugestões para esta primeira semana de festival:

A abertura acontece no Teatro Maria Matos com uma proposta que combina a marioneta e o circo, por uma das mais conceituadas companhias francesas, o Théâtre La Licorne, que nos transporta para um universo singular, situado entre Júlio Verne, Leonardo da Vinci e as máquinas dos Royal de Luxe. Em Les Encombrants font leur Cirque marionetistas exímios encarnam um grupo de idosos capazes de todas as extravagâncias, com o seu bestiário de animais autómatos. No programa: domar latas de sardinhas, um louva-a-deus equilibrista, peixes vermelhos, centopeias, um tubarão, leões, um rinoceronte, pirilampos ou caracóis.

Théâtre La Licorne (França)
Les Encombrants font leur Cirque
Maria Matos Teatro Municipal
5, 6 e 7 de Maio às 21h30 (Quinta, Sexta e Sábado)
Dos 6 aos 106 anos - 75m

No Teatro Taborda o foco será a presença portuguesa, neste caso com uma das últimas criações da companhia Teatro de Marionetas do Porto, Barba Azul, para o público familiar; e o Teatro de Ferro que apresenta Objecto Encontrado Perdido, uma reflexão aberta sobre a origem dos objetos que nos rodeiam: a natureza e o trabalho.

Teatro de Marionetas do Porto (Portugal)
Barba Azul
Teatro Taborda
7 e 8 de Maio às 16h (Sábado e Domingo)
+6 - 50m

Teatro de Ferro (Portugal)
Objecto Encontrado Perdido
Teatro Taborda
10 e 11 de Maio às 21h30 (Terça e Quarta)
+12 - 55m

A companhia Lichtbende utiliza o sistema das lanternas mágicas japonesas e outros mecanismos de projeção, pesquisando a relação da imagem com a música ao vivo. TUTU é um espetáculo dirigido aos mais novos e ao público familiar, realizado no âmbito do São Luiz Mais Novos.

Lichtbende (Holanda)
TUTU
São Luiz Teatro Municipal - Sala Mário Viegas
11, 12 e 13 de Maio às 10h30 (Quarta, Quinta e Sexta)
14 e 15 de Maio às 16h (Sábado e Domingo)
Dos 6 aos 106 anos - 50m

O criador David Espinosa lança um desafio: será possível representar todas as obras de William Shakespeare num único espetáculo? Em Muito Barulho por Nada, através de inúmeros objetos e brinquedos, é criado um irónico jogo de luzes e sombras com numerosas referências ao cinema, à banda desenhada, às artes plásticas e à própria história do teatro.

David Espinosa (Espanha)
Muito Barulho por Nada - Much Ado About Nothing
Teatro Nacional D. Maria II - Sala Estúdio
12, 13 e 14 de Maio às 19h (Quinta, Sexta e Sábado)
15 de Maio às 16h30 (Domingo)
+12 - 50m

Maguy Marin é uma das mais importantes coreógrafas europeias e tem sido uma figura central da dança-teatro francês há mais de três décadas. Nesta nova criação, o bailarino-ator David Mambouch trabalha a máscara, muda de identidade, assumindo os rostos de uma multidão de pessoas, de todos os sexos e géneros, de todas as cores de pele, de todas as origens sociais, de todas as épocas. Singspiele é um retrato da humanidade, uma reflexão sobre a identidade, a singularidade e a universalidade.

Maguy Marin, David Mambouch & Benjamin Lebreton (França)
Singspiele
Maria Matos Teatro Municipal
13 e 14 de Maio às 21h30 (Sexta e Sábado)
+12 - 60m

O artista plástico e performer Tim Spooner apresenta um espetáculo-instalação, The Assembly of Animals, uma verdadeira escultura performativa que combina marionetas, objetos e demonstrações científicas, que oscila entre a ficção científica, contos de fadas e o surrealismo.

Tim Spooner (Reino Unido)
The Assembly of Animals
Maria Matos Teatro Municipal - Sala de Ensaios
14 e 15 de Maio às 11h e 16h30 (Sábado e Domingo)
Dos 3 aos 103 anos - 30m

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.