A valsa do adeus

ATÉ NOS VERMOS LÁ EM CIMA Albert Dupontel

A guerra é muitas vezes cenário das mais calorosas amizades. É disso que nos fala Até Nos Vermos Lá em Cima, história de dois ex-combatentes do primeiro conflito mundial, que salvam a vida um ao outro, tentando depois sobreviver juntos na Paris da década de 1920.

Um deles, artista desfigurado que se fingiu morto, vai escondendo a identidade (e a deformação do rosto) atrás de máscaras elaboradíssimas, enquanto o outro aceita todo o tipo de trabalhos para ganhar sustento... até ao dia em que forjam um esquema milionário.

Baseado no romance homónimo de Pierre Lemaitre, que venceu o Prémio Goncourt, este é um filme bonitinho, bem feito e bem comportado, mas sem rasgo. Dupontel tira algum partido da fantasia associada à figura do artista, mas esta não "desarruma" a composição demasiado arranjada. Apesar do voo final, não há golpe de asa...


Classificação: ** (Com interesse)

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG