"O meu principal defeito é não saber perdoar"

O famoso questionário Proust respondido pela estilista Fátima Lopes


A sua virtude preferida?
A ética.

A qualidade que mais aprecia num homem?
Ser confiável.

A qualidade que mais aprecia numa mulher?
A determinação.

O que aprecia mais nos seus amigos?
A lealdade.

O seu principal defeito?
Não sei perdoar.

A sua ocupação preferida?
Criar.

Qual é a sua ideia de "felicidade perfeita"?
Ter saúde, uma família maravilhosa, uma profissão apaixonante e amor nas mais variadas formas. Acho que tenho muito disto tudo e por isso sou uma pessoa feliz.

Um desgosto?
A morte dos meus pais.

O que é que gostaria de ser?
Exatamente o que sou.

Em que país gostaria de viver?
Em Portugal.

A cor preferida?
Depende da estação do ano, pode ser preto ou vermelho.

A flor de que gosta?
Antúrios brancos.

O pássaro que prefere?
Faisão dourado.

O autor preferido em prosa?
Eça de Queiroz.

Poetas preferidos?
Fernando Pessoa e Sophia de Mello Breyner Andresen.

O seu herói da ficção?
Não tenho.

Heroínas favoritas na ficção?
Wonder Woman.

Os heróis da vida real?
Neste momento, o presidente Volodymyr Zelensky.



As heroínas históricas?
Marie Curie e Mary Astell, por razões diferentes.

Os pintores preferidos?
Dalí e Picasso.



Compositores preferidos?
Beethoven e Mozart.

Os seus nomes preferidos?
Nomes simples e tradicionais.

O que detesta acima de tudo?
A maldade que a inveja e a ganância causam.

A personagem histórica que mais despreza?
Hitler e agora Putin.

O feito militar que mais admira?
Neste momento a defensiva militar ucraniana.

O dom da natureza que gostaria de ter?
Ter boa voz para cantar.

Como gostaria de morrer?
A dormir, o mais tarde possível, antes de perder as principais capacidades físicas e intelectuais.

Estado de espírito atual?
Momento positivo.

Os erros que lhe inspiram maior indulgência?
Os involuntários, sobretudo por ignorância.

A sua divisa?
Não há impossíveis, só difíceis.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG