Exclusivo Novos MacBook Pros evoluem porque... olham para trás

Apple lançou última geração dos seus potentes portáteis e (finalmente) resolveu os maiores problemas em que ela própria se tinha metido, atendendo às queixas dos seus utilizadores

A cada nova geração de portáteis da Apple já se espera mais ou menos o mesmo: processadores mais rápidos, ecrãs com (ainda) maior definição, nada de ecrãs táteis que isso é para os iPads. Esta semana, aconteceu exatamente isso com a apresentação dos novos MacBook Pros -- que não desiludem em nada. Muito pelo contrário.

Até porque foi por demais evidente que, este ano, a marca de Cupertino ouviu as queixas dos seus mais acérrimos fãs e introduziu mudanças nos modelos de topo que são, seguramente, muito bem-vindas. Pelo menos por qualquer pessoa que use estas máquinas num cenário de produtividade (ou seja, para trabalhar a sério).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG