Começa hoje um festival que os apaixonados por chocolate vão adorar

Entre hoje e domingo, consumidores curiosos e apaixonados por chocolate, mas também profissionais do setor, poderão ir provar inúmeras marcas no WOW, em Vila Nova de Gaia.

O WOW, em Vila Nova de Gaia, acolhe o Chocolat Festival Portugal, naquela que é a primeira edição europeia do festival. Depois de 25 edições a potenciar o chocolate de origem na América Latina, o evento atravessa o Atlântico com o propósito de tornar Portugal um hub do chocolate de origem na Europa. E isso acontece precisamente no ano em que o coração de D. Pedro IV regressou ao Brasil para as festividades do bicentenário da independência do país.

"2022 é um ano muito especial para começar esta enorme parceria com o Brasil. Celebram-se os 200 anos da independência do Brasil e, ao mesmo tempo, celebram-se os 200 anos da introdução do cacau em África, pelas mãos dos portugueses", diz Pedro Araújo, mestre de chocolate e diretor geral do WOW, citado em comunicado. "Relembro que com a arrojada introdução do cacau em São Tomé e Príncipe, Portugal estabelecia uma ponte transatlântica que mudaria o mundo para sempre", reforça.

Marco Lessa, fundador do Chocolat Festival na América Latina e corealizador do evento, recorda que 90% do cacau de qualidade do mundo é latino e que o maior consumo mundial per capita está na Europa. "Por isso, é fundamental posicionar Portugal como ponto estratégico que é - com forte ligação à América Latina e com localização estratégica na Europa", defende. "No Chocolat Festival queremos degustar chocolate, conversar sobre chocolate e encontrar soluções para os paradigmas deste setor. É um ponto de encontro para apreciadores e profissionais", remata.

Entre hoje e domingo, consumidores curiosos e apaixonados por chocolate, mas também profissionais do setor, poderão ir provar inúmeras marcas, conhecer os vários países produtores, ver exposições e assistir a momentos de demonstração culinária, bem como participar nas várias atividades. A entrada é gratuita.

A Feira do Chocolate terá 37 marcas, de vários cantos do globo, de Portugal à Bélgica, do Brasil ao Equador.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG