Português ganha medalha de prata nas Olimpíadas de Informática no Japão

Kevin Pucci, aluno do 11.º ano, alcançou o melhor resultado de sempre para Portugal, que participa na competição desde 1992

Um aluno português conquistou, pela primeira vez, a medalha de prata nas Olimpíadas Internacionais de Informática, em Tsukuba, no Japão, onde competia com mais de 300 alunos de 87 países e regiões.

De acordo com o 'site' da Associação para a Promoção e Desenvolvimento da Sociedade de Informação (APDSI), Kevin Pucci, aluno do 11.º ano do Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins, em Chaves, alcançou o melhor resultado de sempre para Portugal, que participa na competição desde 1992.

A 30.ª edição das Olimpíadas Internacionais da Informática decorreu entre 1 e 8 de setembro na cidade de Tsukuba, no Japão, e pôs à prova os conhecimentos informáticos e de programação de 335 alunos de 87 países ou regiões.

Durante dois dias, os alunos participaram em competições de cinco horas, com três problemas diários.

Portugal acumula agora no seu histórico uma medalha de prata e oito medalhas de bronze, duas em 2017, uma em 2016, duas em 2012, uma em 2011, uma em 2009 e uma em 2002.

Portugal participa neste evento desde 1992, com os melhores alunos selecionados através das Olimpíadas Nacionais de Informática, organizadas pela APDSI.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

Foi Centeno quem fez descer os juros?

Há dias a agência de notação Standard & Poor's (S&P) subiu o rating de Portugal, levando os juros sobre a dívida pública para os níveis mais baixos de sempre. No mesmo dia, o ministro das Finanças realçava o impacto que as melhorias do rating da República têm vindo a ter nas contas públicas nacionais. A reacção rápida de Centeno teve o propósito óbvio de associar a subida do rating e a descida dos juros às opções de finanças públicas do seu governo. Será justo fazê-lo?