Estudantes açorianos com acesso ao ensino superior recebem 500 euros

Prémio monetário é atribuído pelo Governo regional do Açores e destina-se "a apoiar o ingresso no ensino superior por jovens estudantes da Região Autónoma"

Os estudantes dos Açores que ingressem no ensino superior vão ter acesso, a partir deste próximo ano letivo, a um prémio de mérito de 500 euros.

O Prémio de Mérito de Ingresso no Ensino Superior, "no valor pecuniário unitário de 500 euros e com efeitos a partir do ano letivo de 2019-2020", é atribuído pelo Governo regional, através da secretaria regional da educação e cultura, e destina-se "a apoiar o ingresso no ensino superior por jovens estudantes da Região Autónoma dos Açores",explica uma nota divulgada pelo Governo açoriano.

De acordo com o regulamento publicado no portal do Governo regional açoriano, "o acesso ao prémio depende de candidatura, apresentada pelo estudante ou por um seu procurador, ou, sendo o estudante menor, pela pessoa que exerça o poder parental ou tutelar".

Podem candidatar-se "os estudantes que residam permanentemente na RAA [Região Autónoma dos Açores] há pelo menos 3 anos, que durante esse período estiveram inscritos, frequentaram e concluíram o ensino secundário em estabelecimento de ensino na RAA e que nunca estiveram matriculados no ensino superior."

Exclusivos

Premium

Legionela

Maioria das vítimas quer "alguma justiça" e indemnização do Estado

Cinco anos depois do surto de legionela que matou 12 pessoas e infetou mais de 400, em Vila Franca de Xira, a maioria das vítimas reclama por indemnização. "Queremos que se faça alguma justiça, porque nunca será completa", defende a associação das vítimas, no dia em que começa a fase de instrução do processo, no tribunal de Loures, que contempla apenas 73 casos.