Cientistas descobrem minhoca que come pedras

Investigadores da Universidade de Northeastern, nos Estados Unidos, encontraram o verme em 2016, mas só agora está a ser estudado.

Cientistas descobriram uma nova espécie de minhocas no fundo do rio Abatan, a leste de Bohol, nas Filipinas. Comem pedras e libertam areia, segundo a Sky News.

O molusco Lithoredo abatanica ficou ainda conhecido por comer madeira. Destrói estruturas costeiras e é um problema para os marinheiros, que na zona começaram a dar por buracos nas suas embarcações. Alimenta-se também de pedras: faz buracos nas rochas possivelmente para atingir presas ou para extrair nutrientes.

Os exemplares encontrados têm entre 5,5 mm e 105,4 mm. São criaturas translúcidas e não têm as conchas tão afiadas como as espécies que costumam alimentar-se de madeira. Têm guelras - como os peixes - ao longo do corpo e um intestino mais longo do que os vermes tradicionais (o que faz que esta nova espécie apresente características muito singulares).

Os investigadores da Universidade de Northeastern, nos Estados Unidos, Reuben Shipway e Daniel Distel encontraram esta espécie de minhocas pela primeira vez em 2016. Encontravam-se de viagem quando lhes foi pedido para olharem para o fundo do rio porque começavam a aparecer pedaços de arenito com buracos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG