A maior lua cheia do ano acontece hoje: 14% maior e 30% mais brilhante

Depois da super lua de sangue que ocorreu em janeiro, o céu prepara-se para outro fenómeno: a super lua de fevereiro, também conhecida como lua de neve

Depois da super lua de sangue que ocorreu em janeiro, o céu prepara-se para outro fenómeno: a super lua de fevereiro, também conhecida como lua de neve. Esta será a maior super lua do ano. "Uma super lua ocorre quando a Lua cheia está no ponto mais próximo de sua órbita da Terra, que também é chamada de perigeu'", explica a NASA ao USA TODAY.

A super lua atingirá o seu pico na manhã de terça-feira, às 10h54, no entanto, não será visível nessa altura, segundo a CNN. A melhor altura para observar a super lua é segunda e terça feira à noite. Para os interessados em fotografar este momento, o nascer da lua é a melhor oportunidade, visto ser quando esta se encontra mais próxima do horizonte.

Todos os meses a lua cheia é apelidada de forma diferente, segundo o almanaque Borda d'Água. O nome escolhido para a lua está associado ao tempo da época. Isto ocorre devido a uma tradição antiga, em que os meses lunares estavam associados às mudanças das estações, e não ao ano solar. Os nativos americanos e europeus deram o nome de lua de neve à lua cheia de fevereiro, devido a fevereiro ser um mês associado a fortes nevões pelas tribos indígenas norte-americanas. Outro nome, pelo qual a lua de fevereiro também é conhecida é lua de osso ou lua da fome, devido ao inverno ser uma época em que existe menos comida disponível.

A super lua marca uma grande diferença este ano, pois em 2018, em vez de lua cheia ocorreu o fenómeno lua negra, fase em que esta se encontra demasiado próxima do Sol, para ser visível. Caso perca a lua de neve de fevereiro, março terá outra super lua.

Pode verificar a hora do nascer da lua na sua cidade, aqui.