Neurologia

Pedro Cabral: "A incapacidade de esquecer é uma maldição"

Neurologia

Pedro Cabral: "A incapacidade de esquecer é uma maldição"

A conceção do cérebro com capacidades ilimitadas não reside no discurso do neurologista pediátrico Pedro Cabral. É a limitação deste órgão e da memória que, segundo o autor, nos permite alcançar o extraordinário. Assim o defende no livro O Paradoxo do Cérebro - Memória, Autismo, Identidade. A propósito da obra, a conversa com o autor visita temas como a "maldição" de não esquecermos, o cérebro enquanto cativo do corpo e a condição efémera da consciência.