Mário Nogueira

Opinião

A progressão dos incríveis e dos medíocres

A ideia de que alguém progride na carreira, ou seja, é promovido e aumentado, apenas porque cumpriu na profissão o número de anos suficiente nunca me fez sentido. Mais ainda quando essa pessoa não pode ser despedida. O que significa que, trabalhe muito ou pouco, seja competente ou incompetente, há uma garantia vitalícia de emprego e de progressão na carreira. Isto significa impedir os melhores de chegarem ao topo mais depressa e os incompetentes de lá chegarem, sem que o mereçam.