Japão

Entronização esta terça-feira

Imperador japonês é historiador e conhece bem o que é Portugal

No dia em que Naruhito é entronizado no Palácio Imperial em Tóquio, o DN recorda a sua visita a Lisboa, Coimbra e Porto em 2004, como príncipe herdeiro. Na altura fotografou esse Tejo de onde partiram as caravelas que um dia chegaram ao Japão. O pai, Akihito, imperador emérito desde 30 de abril, escreveu um dia sobre o contributo da chegada dos portugueses para que a ciência ocidental fosse conhecida. São quase cinco séculos de relação especial, que vale a pena recordar quando o Japão entra numa nova era, a Reiwa, ou "Bela Harmonia". Um texto muito pessoal de um jornalista de que escreve num diário onde Venceslau de Moraes publicou, faz mais de cem anos, muitas das suas reportagens sobre o Japão. (Texto originalmente publicado a 1 de maio de 2019, quando Naruhito assumiu o trono)

Testemunho

O reencontro da filha e do pai que Salazar e Mao separaram

Vera Wang era filha de um chinês e de uma portuguesa. Com o pai preso na China, refugiou-se no Japão. Conheceu lá Franco Nogueira, futuro MNE de Salazar, e casaram-se. Só depois do 25 de Abril conseguiu rever o pai. Quem contou a história foi Aida, a filha, em artigo de 16 de setembro de 2018 hoje republicado por passar um ano da morte de Vera. Às 19.00 celebra-se missa nos Jerónimos.