Trabalhadores da limpeza do aeroporto em greve

Funcionários exigem melhores salários e respeito pela dignidade das suas funções

Cerca de 200 trabalhadores da empresa de limpeza industrial ISS, responsáveis pelas limpezas no aeroporto de Lisboa, estão hoje em greve de 24 horas para reivindicar aumentos salariais e do subsídio de alimentação.

Em comunicado, o STAD - Sindicato dos Trabalhadores de Serviços de Portaria, Vigilância, Limpeza, Domésticas e Atividades Diversas informou que os trabalhadores querem que a ISS aplique a todos os trabalhadores, em regime de laboração continua, o Acordo de Condições Específicas para o Local de Trabalho, aumente os salários e o subsídio de alimentação e "respeite a dignidade" dos trabalhadores da limpeza industrial.

Fonte oficial da ANA -- Aeroportos de Portugal adiantou à Lusa que "o aeroporto tem preparado um plano de contingência e não é esperado qualquer constrangimento" decorrente da greve.

A ISS é uma multinacional dinamarquesa, fundada há mais de 100 anos, do mercado de serviços/outsourcing, com mais de 500 mil empregados em 77 países.

Em Portugal, a ISS estabeleceu-se em 1992, de acordo com a informação disponível na sua página na internet.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG