Seis detidos em operação de combate à pornografia de menores na Internet

PJ deteve ontem seis homens, depois de cumprir nove mandados de busca em várias zonas do país

Seis homens foram detidos por posse, divulgação e partilha de pornografia de menores, recorrendo a programas específicos de partilha de ficheiros de imagem e vídeo, onde são exibidas crianças vítimas de abuso sexual, informou hoje a PJ.

Segundo a PJ, os seis homens foram detidos durante uma operação, efetuada na terça-feira, de combate à pornografia de menores na internet, cumprindo nove mandados de busca em várias zonas do país.

Durante as buscas foi apreendido o material informático relacionado com os delitos, continuando as diligências para se apurar a extensão da atividade e conexões criminosas do caso.

Os seis detidos serão submetidos a primeiro interrogatório judicial, para aplicação de medidas de coação.

Na véspera, a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa (PGDL) divulgou que as buscas incidiram na área da Grande Lisboa e no Porto, precisando que na denominada operação 'Daylight', foram realizadas nove buscas domiciliárias.

A investigação começou com uma comunicação da Europol e ficou a cargo do Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa, tendo a PGDL informado, na altura, que existiam "indícios de que os suspeitos, residentes nas áreas da grande Lisboa e do Porto, guardavam em computadores e/ou outros dispositivos de armazenamento de dados, ficheiros contendo imagens de abusos sexuais de crianças, os quais partilham na internet".

Na semana passada, foi também posta em marcha uma operação de combate à pornografia infantil e acesso ilegítimo, com buscas em locais da Grande Lisboa e zonas limítrofes.

Também neste caso, na base da investigação esteve uma troca de informações com polícias de outros países, através da Europol.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG