Ouça o som que provou aos cientistas que Einstein tinha razão

Como soa uma onda gravitacional? É um pequeno "pio", que só um ouvido atento consegue captar

As ondas gravitacionais, cuja deteção pioneira foi anunciada na quinta-feira, são muito pequenas para serem vistas, mas podem ser ouvidas. Os cientistas gravaram o pequeno som, um passageiro "piar", que se ouve por entre o "rugir" do universo.

O "piar" que comprovou finalmente uma das previsões feitas por Albert Einstein há um século pode ser ouvido na gravação abaixo, após uma breve apresentação em inglês feita pela cientista Gaby Gonzalez, física e porta-voz do Laser Interferometer Gravitational-Wave Observatory (LIGO), responsável pela descoberta.

"O que nós fizemos foi pegar no sinal real e alterámos um pouco a sua frequência, mas continua a ser o sinal real", explica Gaby Gonzalez. "Era deste piar que andávamos à procura", esclarece Gonzalez, destacando que este se pode ouvir por entre o "rugir" do ruído de fundo.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG