Mãe que tirou foto com filho com uma arma foi alvejada... pelo filho

Mulher de 31 anos foi alvejada nas costas, mas sobreviveu. Pode agora ser acusada de negligência por deixar uma criança ter acesso a uma arma de fogo

Uma fotografia de Jamie Gilt com o filho de quatro anos e uma arma gerou polémica nos EUA. Esta mãe tem uma página no Facebook, na qual defende o direito de ter armas de fogo. Porém, Jamie é agora notícia porque foi alvejada no seu carro... pelo filho.

A criança de quatro anos terá descoberto uma pistola semiautomática e disparou, acertando nas costas da mãe. Segundo o jornal Metro, Jamie Gilt, de 31 anos, conseguiu pedir ajuda a um polícia que a levou para o hospital.

O porta-voz da polícia no condado de Putman, em Nova Iorque explicou que o agente que observou o veículo e viu "uma mulher adulta no banco do condutor a pedir-lhe a ajuda". Joseph Wells acrescentou que o outro ocupante "era o filho de quatro anos da vítima, que não estava ferido".

O estado de saúde de Jamie Gilt mantém-se estável e a mulher pode enfrentar uma possível acusação de negligência, ao permitir que uma criança tivesse acesso a uma arma. O jornal escreve ainda que o rapaz não tinha o cinto de segurança quando o polícia se aproximou do carro.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG