Lisboa perde mais uma sala de cinema no final do ano

Projeto com preços mais baixos no Saldanha Residente termina ao fim de dois anos. "A mediocridade venceu", diz o proprietário

É um dos filmes mais esperados do ano, tem estreia marcada para dia 17 do próximo mês e será o último a ser exibido no atcinema, no Saldanha Residence, em Lisboa: no final do ano, a sala de espetáculos que abriu em dezembro de 2013 para oferecer blockbusters com qualidades técnicas de visualização excecionais a preços mais baixos encerrará após a exibição durante duas semanas de Star Wars: o Despertar da Força. Francisco Serranito, proprietário do espaço, responsabiliza as distribuidoras e a "mediocridade" do público português pelo encerramento do atcinema, cujo conceito está já a funcionar nos Estados Unidos da América e chegará no próximo ano à capital francesa, Paris, e à Austrália.

"A mediocridade venceu." É com a amargura a transparecer na voz que o proprietário do atcinema, a funcionar em duas salas do Saldanha Residence há cerca de dois anos, comenta o anunciado fim, em território nacional, do seu projeto. "Em princípio, vamos fechar no final do ano", adianta Francisco Serranito ao DN, precisando que o último filme a ser exibido será o mais recente da saga de A Guerra das Estrelas. Antes haverá ainda tempo para mostrar as películas 007 Spectre (atualmente em exibição), The Hunger Games: A Revolta, Parte 2, ou o remake de O Leão da Estrela, de Leonel Vieira.

Leia mais na ediçao impressa ou no e-paper do DN

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG