Lançamento do foguete da SpaceX interrompido quando faltava menos de 1 minuto

O foguete Falcon 9 Block 5 devia ter sido lançado na quinta-feira, a partir do Centro Espacial Kennedy, Florida, com o primeiro satélite do Bangladesh, o Bangabandhu Satellite-1

A SpaceX foi forçada a adiar o lançamento do seu foguete Falcon 9 Block 5, que tinha sido melhorado, quando faltava menos de um minuto.

Esta última versão do engenho deveria ter sido lançada na quinta-feira, a partir do Centro Espacial Kennedy, no Estado da Florida, com o primeiro satélite do Bangladesh, o Bangabandhu Satellite-1, que deve permitir o acesso à Internet em todos os cantos do país.

Mas a contagem decrescente foi interrompida abruptamente quando faltavam 58 segundos.

Os controladores do voo procuram identificar o que provocou a paragem automática.

A SpaceX já disse que vai tentar o lançamento hoje.

A próxima janela de oportunidade para fazer o lançamento, no Cabo Canaveral, é hoje entre as 16:14 e 18:21 locais (21:14 e 23:21 de Lisboa).

O presidente executivo da SpaceX, Elon Musk, adiantou que os lançadores, que foram melhorados, podem ser reutilizados mais 10 vezes cada um e requerem pouco ou nenhum trabalho entre lançamentos.

O seu objetivo é usar o mesmo lançador duas vezes em 24 horas, o que vai reduzir drasticamente o custo dos lançamentos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG