Japoneses descobrem "caverna" na Lua que pode acolher astronautas

Dados recolhidos pela sonda espacial japonesa SELENE confirmam a existência de enorme subterrâneo, aparentemente criado por tubo de lava

Tem 50 quilómetros de extensão e uma largura média de cem metros o que a torna no local ideal para acolher uma base permanente, caso a humanidade se decida a tornar a Lua na sua futura base avançada no espaço.

A existência deste complexo subterrâneo natural foi confirmada pela Sonda japonesa SELENE (batizada em nome de uma antiga divindade lunar), que orbita o satélite da Terra, tendo dado origem a um artigo publicado nesta semana na revista científica norte-americana Geophysical Research Letters.

"Já sabíamos destes locais, que se julga terem sido criados por tubos de lava, mas a sua existência foi agora confirmada, disse à AFP Junichi Haruyama, investigador da agências espacial do Japão.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG