Na segunda-feira haverá eclipse total do sol. Mas em Portugal será só parcial

Apenas nos Açores é que o eclipse parcial vai ser visível desde o seu início até ao fim

Na próxima segunda-feira, dia 21, haverá um eclipse total do sol, em que este fica completamente encoberto pela lua. Mas em Portugal, este eclipse será apenas parcial e pouco percetível, segundo antecipa o Observatório Astronómico de Lisboa.

Em Portugal, o eclipse começa quando o sol já se encontra próximo do ocaso, altura em que as imagens dos astros apresentam más condições de observação, diz este organismo, adiantando que apenas nos Açores é que o eclipse parcial vai ser visível desde o seu início até ao fim, apesar de também aí o sol estar já baixo no horizonte.

Em Lisboa o eclipse é visível a partir das 19:46 horas e tem apenas 19% da superfície encoberta, o ocaso do sol ocorre às 20:23, e o ocaso da Lua ocorre às 20:21.

Na Madeira, a visibilidade do eclipse será a partir das 19:48 horas com apenas 33% da superfície encoberta, o ocaso do sol ocorrerá às 20:46, e o ocaso da Lua ocorrerá às 20:45.

Na Região Autónoma dos Açores, a visibilidade do eclipse será a partir das 18:40 horas com apenas 28% da superfície encoberta, o ocaso do sol ocorrerá às 20:27, e o ocaso da Lua ocorrerá às 20:28.

A região onde o eclipse é total vai percorrer uma trajetória do Oceano Pacífico ao Atlântico, atravessando os Estados Unidos no sentido noroeste a sudeste, da costa do Oregon à costa da Carolina do Sul. Nessas regiões, a lua apenas cobrirá o sol na totalidade durante poucos minutos