GNR partilha imagem do momento em que encontrou Martim

A criança foi encontrada por militares da GNR a dois quilómetros da casa dos avós

Martim, o menino de dois anos que ontem desapareceu de casa dos avós, em Amieira, Ourém, foi encontrado esta manhã e o momento está a correr as redes sociais. A criança foi encontrada por militares da GNR a dois quilómetros do sítio onde desapareceu, numa zona de mato, e a GNR partilhou agora a imagem do momento na página de Facebook.

"É com enorme satisfação que partilhamos o momento em que encontrámos o Martim", diz a publicação partilhada pouco depois das 11.00. "O Martim está bem de saúde e de regresso à sua família".

Em poucos minutos a publicação foi partilhada mais de duas mil vezes e acumulou mais de dez mil gostos. "A melhor notícia do dia", diz um dos muitos comentários no Facebook da GNR.

O menino de dois anos foi dado como desaparecido ontem de manhã, cerca das 9:00, quando brincava no exterior da casa dos avós maternos, que o deixaram sem vigilância por breves minutos. As autoridades iniciaram de imediato as buscas e as investigações, deixando em aberto todas as hipóteses.

Exclusivos

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

Uma opinião sustentável

De um ponto de vista global e a nível histórico, poucos conceitos têm sido tão úteis e operativos como o do desenvolvimento sustentável. Trouxe-nos a noção do sistémico, no sentido em que cimentou a ideia de que as ações, individuais ou em grupo, têm reflexo no conjunto de todos. Semeou também a consciência do "sustentável" como algo capaz de suprir as necessidades do presente sem comprometer o futuro do planeta. Na sequência, surgiu também o pressuposto de que a diversidade cultural é tão importante como a biodiversidade e, hoje, a pobreza no mundo, a inclusão, a demografia e a migração entram na ordem do dia da discussão mundial.