Fogo obriga a cortar duas estradas nacionais e um itinerário complementar

Os fogos que deflagraram nos concelhos de Alijó e Mangualde obrigaram ao corte de duas estradas nacionais e um itinerário complementar.

Devido ao incêndio de Alijó, que ao início da noite mobilizava 323 bombeiros e 97 viaturas, foram cortadas a nacional 212, entre os quilómetros 35 e 42, e o Itinerário Complementar 5, que liga o distrito de Vila Real a Bragança, entre os quilómetros 34 e 46.

Na zona de Mangualde, a estrada nacional 232 está cortada entre as localidades de Mourilhe e Contenças de Baixo.

Informações avançadas à agência Lusa pelo Comando Geral da Guarda Nacional Republicana (GNR).

Segundo a página na internet da Autoridade Nacional da Proteção Civil (ANPC), os três incêndios que deflagraram hoje à tarde no concelho de Mangualde, mobilizavam, às 23:00, 393 operacionais apoiados por 116 viaturas.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG