Ativado Plano Distrital de Emergência de Proteção Civil

Decisão surge como resposta aos incêndios rurais que se encontram em curso

A Comissão Distrital de Proteção Civil de Coimbra decidiu, ao fim da tarde desta terça-feira, ativar o Plano Distrital de Emergência, atendendo aos incêndios rurais que se encontram em curso.

"Atenta aos recentes acontecimentos que têm assolado o distrito de Coimbra, a Comissão Distrital de Proteção Civil de Coimbra, na qualidade de órgão de coordenação em matéria de proteção civil", tomou esta decisão durante uma reunião extraordinária, refere, em comunicado.

O Plano Distrital de Emergência de Proteção Civil de Coimbra foi ativado numa altura em que se registam incêndios de grandes dimensões nos concelhos de Góis e de Penela.

Um dos principais incêndios a lavrar em Portugal é precisamente o de Góis, que deflagrou cerca das 15:00 de sábado e se mantém em curso, mobilizando 1.086 bombeiros, 376 viaturas e cinco meios aéreos.

Devido a este incêndio, foram hoje evacuadas 27 aldeias no concelho de Góis e foi ativado o Plano Municipal de Emergência.

Outras Notícias

Outros conteúdos GMG