Incêndio fez vítima mortal em Valongo

Um homem de 57 anos morreu devido a paragem cardio-respiratória, quando o incêndio rondou o bloco de apartamentos onde residia, no Bairro da Outrela em Valongo

O incêndio que deflagrou ao fim da tarde de segunda feira, em Valongo, provocou um morto. Um homem de 57 anos morreu devido a paragem cardiorespiratória, quando o incêndio rondou o bloco de apartamentos onde residia, no Bairro da Outrela em Valongo, avançou o Jornal Novo de Valongo (JNV).

Segundo a publicação local de Valongo, a vítima mortal é um homem já com histórico de doença cardíaca. A equipa do INEM ainda tentou a reanimação no local mas em vão.

O incêndio deflagrou junto a um bairro social da cidade de Valongo e está a ser combatido por bombeiros de Valongo e Ermesinde e ainda Baltar e Leixões. No combate ao fogo estiveram também (até ao anoitecer) dois helicópteros. Funcionários da Câmara de Valongo (proteção civil) apoiam o combate ao incêndio.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG