Incêndio em Faro faz um ferido ligeiro

Fogo deflagrou na Cooperativa Agrícola de Citricultores do Algarve

Um incêndio deflagrou hoje nas instalações da Cooperativa Agrícola de Citricultores do Algarve (CACIAL), localizada junto à Estrada Nacional 125, perto de Faro, tendo um trabalhador ficado com ferimentos ligeiros, disse à Lusa fonte da Proteção Civil.

O alerta para o incêndio foi recebido às 12:00 e às 12:40 os bombeiros já tinham controlado e extinguido o fogo, precisou a fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Faro.

No local estiveram elementos dos Bombeiros Sapadores de Faro e dos Bombeiros Voluntários de Loulé e de Albufeira, num dispositivo com sete veículos e 19 operacionais, acrescentou a mesma fonte.

A Lusa contactou o responsável da CACIAL, Horácio Ferreira, que confirmou a ocorrência, mas escusou-se a prestar mais declarações por estar neste momento a tentar lidar com as consequências do fogo.

"Foi numa estufa de secagem, de momento ainda temos que avaliar os prejuízos e não conseguimos quantificar o montante", afirmou Horácio Ferreira, acrescentando que "houve só um colega que ficou ferido num pé".

O responsável remeteu mais esclarecimentos para o final da tarde, quando já tiver uma noção mais clara dos prejuízos e de como a situação pode afetar a operacionalidade da cooperativa, onde são recebidos, tratados e embalados citrinos, sobretudo laranjas.

A CACIAL tem uma centena de sócios, produz perto de duas dezenas de toneladas de laranja e emprega cerca de 150 trabalhadores, atingindo anualmente um volume de negócios próximo dos cinco milhões de euros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG