Homem morre em incêndio num barracão. PJ investiga

São desconhecidas a origem do incêndio e as causas da morte do homem, que, segundo informações recolhidas pelos bombeiros no local, vivia com os pais.

A Polícia Judiciária vai investigar as causas da morte de um homem de 49 anos hoje encontrado carbonizado no interior de um barracão, num campo agrícola, em Vila Nova de Anha, Viana do Castelo, disse a GNR.

Contactada pela agência Lusa, fonte do Comando Territorial da GNR de Viana do Castelo disse ter sido acionada a Polícia Judiciária (PJ) de Braga.

À Lusa, o comandante dos Bombeiros Sapadores de Viana do Castelo adiantou que, à chegada ao local, "o homem de 49 anos já se encontrava morto no interior de um barracão, habitualmente utilizado para guardar alfaias agrícolas, situado num campo agrícola" daquela freguesia na margem esquerda do rio Lima.

São desconhecidas a origem do incêndio e as causas da morte do homem, que, segundo informações recolhidas pelos bombeiros no local, vivia com os pais.

O alerta foi dado às 08:16. Ao local compareceram 17 operacionais e seis viaturas dos Bombeiros Sapadores e Voluntários, a ambulância de Suporte Imediato de Vida (SIV) e a GNR.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG