Governo açoriano aprova estratégia para combater a pobreza até 2028

Serão implementadas medidas nas áreas do emprego, da educação e qualificação, da solidariedade social, da saúde e da juventude, em articulação com os parceiros sociais e económicos da região

O Governo Regional dos Açores aprovou esta quarta-feira a Estratégia Regional de Combate à Pobreza e Exclusão Social 2018-2028, formalizada após "concluído o período de discussão pública".

"Estão concluídos todos os procedimentos de diagnóstico, avaliação e auscultação, iniciando-se agora uma nova fase de ação e de implementação das medidas definidas", declarou esta quarta-feira o secretário regional adjunto da presidência para os Assuntos Parlamentares, Berto Messias.

A estratégia contra a pobreza e a exclusão "prevê a implementação de várias medidas nas áreas do emprego, da educação e qualificação, da solidariedade social, da saúde, da juventude, em articulação com os parceiros sociais e económicos dos Açores, que têm de assumir, também, um papel fundamental na implementação desta estratégia".

Pretende-se, diz Berto Messias, "reforçar os indicadores de coesão social" que permitam "continuar o caminho de convergência para a média nacional e, simultaneamente, o aumento da coesão territorial dentro dos Açores".

O governante falava nas Velas, ilha de São Jorge, no terceiro e último dia de visita estatutária à ilha do grupo central, e abordava as conclusões do Conselho de Governo tido na noite de terça-feira.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG